quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - SALVAÇÃO

Na Tela do Cinema.

Em Itaí - SP

QUANDO RELEMBRAMOS DO QUE ACONTECEU AO HOMEM CHAMADO JESUS, NASCIDO NA PEQUENA ALDEIA DE NAZARÉ PODEMOS REFLETIR QUE DEPOIS DE 2009 ANOS, AS PESSOAS AINDA NÃO SE DERAM CONTA QUE ELE REALMENTE MORREU PARA NOS SALVAR, E PENSAM QUE O QUE ASSISTEM É APENAS UM MERO "ESPETÁCULO" APRESENTADO POR UM GRUPO DE FANÁTICOS.

NA REALIDADE, O QUE OS ATORES SENTEM DE VERDADE SÃO AS MESMAS DORES DOS PERSONAGENS REAIS DAQUELES DIAS FATÍDICOS, CHORAM DE VERDADE.

"SOMOS OS DISCÍPULOS DOS TEMPOS MODERNOS, MAS ACREDITAMOS QUE JESUS DE NAZARÉ ESTAVA PRESENTE EM CADA UM DE NÓS E NAS PESSOAS QUE ESTAVAM PRESENTES".

ELE FOI CRUCIFICADO PELOS NOSSOS PECADOS E AINDA HOJE COMETEMOS OS MESMOS PECADOS E ERROS QUE ELE PEDIU PARA NÃO COMETERMOS MAIS.

PERDÃO SENHOR...

NÓS AINDA NÃO ENTENDEMOS NADA DO QUE O SENHOR PREGOU.

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - CRISTÃOS

Na Tela do Cinema

Em Itaí - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - CHICOTE

Na Tela do Cinema

Em Itaí - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - ELES NÃO SABEM...

Na tela do Cinema

Em Itaí - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - COMPAIXÃO

Na Tela do Cinema

Em Itaí - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - MÃE

Na Tela do Cinema

Em Itai - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - PAI, PERDOA

Na tela do Cinema
Em Itai - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - MARTÍRIO

Na Tela do Cinema

Em Itai - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - DOR

Na Tela do Cinema

Em Itai - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - PELOS PECADOS

Na Tela do Cinema

Em Itai - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - SOFRIMENTO

Na Tela do Cinema

Em Itai - SP

PAIXÃO DE CRISTO 2009 - AMOR

Na Tela do Cinema

Em Itai - SP

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

PORQUE NÃO DEVEMOS TEMER OS INVEJOSOS



Porque não devemos temer os invejosos:

ENQUANTO...
Você dorme pacificamente, ele perde o sono enquanto pensa em você...
Você acorda e saúda o sol, ele olha o seu bronzeado...
Você sai para o trabalho, ele calcula o seu salário...
Você constrói sua casa, ele julga a cor das tintas...
Você estuda, tem boas notas, ele se preocupa com esses números...
Você conquista um diploma, ele vive o medo do seu sucesso futuro...
Você levanta um prédio, ele escolhe uma janela prá pular...
Você cura os doentes, ele adoece por conta disso...
Você ensina os seus alunos, ele tenta descobrir o que você não sabe...
Você tem a simpatia das pessoas,você recebe os aplausos, ele busca saber se alguém o vaia...
O que ele realmente faz - quando faz?
Você cria, ele copia!!!
Você ainda teme o invejoso????
Por que???? ...
Se ele é um eterno espectador...
... ele merece sua compaixão e não seu temor... =)"
"inveja é sintoma de incompetência."

sábado, 21 de novembro de 2009

FRETER ADRIANO - POETA EM MEIO AO "APAGÃO"

O único contato com o mundo exterior foi feito pela internet. Uma visita ao meu perfil no site de relacionamentos. Parece que agora alguma cor surge diante de meus olhos. O branco e azul inconfundíveis me levando a um universo de possibilidades, culturas e pessoas que possivelmente jamais conheceria (se é que a conhecerei algum dia).Clicando aqui e ali vou passando por pessoas, buscando aquilo que agrade aos olhos, aos sentindos. Eis que me deparo com um perfil. Figura meiga que carrega nos fundos dos olhos a busca que também é minha. Não busco a beleza física ditada pela mídia, busco isso: a beleza de um detalhe que muitas vezes passa despercebido dos olhos daqueles que só buscam o carnal. Já tive o carnal e posso garantir que não me iludo mais com ele. A beleza é tão efêmera que quando nos damos conta perdemos um tempo precioso com algo que é completamente ilusório e, muitas vezes, a pessoa que achávamos a mais bela se transforma em algo horrendo e repugnante.

]☆Ainda que meu relacionamento seja solteiro, na verdade sou casado: com meus filhos, meus filmes, minhas ordens iniciáticas, meus amigos, irmãos, fratres, sorores e ao vegetarianismo.Casado com meus livros, músicas e incensos. Casado com minhas vitórias, divorciado das derrotas. Relacionamento estável com Budismo de Nitirem Daishonin, vivendo maritalmente com minha moto. Casado com minha liberdade de ir e vir. Divorciado das amarras do que pensei um dia ser amor. Casado com a alegria de viver. Flertando com as infinitas possibilidades de uma nova companheira que saiba tudo isso entender e ainda assim me aceitar, sabendo que sou humano e falho, mas que busco muito, com cada erro, a cada dia, ser uma pessoa melhor. Não procuro relacionamentos fúteis, quero um amor cinematográfico e um “...e viveram felizes para sempre...”.

Texto e foto de Adriano Carvalho

ATÉ ONDE VAI A TUA FÉ?

Um rapaz pediu a Jesus um emprego e uma mulher que o amasse muito. No dia seguinte abriu o jornal e tinha um anuncio de emprego.

Ele foi viu a fila muito grande e disse:

- eles são melhores do que eu e foi embora.

No caminho um garoto lhe deu uma rosa...

No ônibus ele chateado joga rosa fora.

Ao chegar em casa briga com Jesus:

- É assim que me tratas?

- É assim que me amas?

E vai dormir.

Em sonho Jesus lhe diz:

- O emprego era seu mas você não confiou e desistiu antes de lutar.

- Aquela rosa foi eu que te dei inspirei aquela criança a lhe dar!

O amor da sua vida estava sentado ao seu lado em vez de você dar a rosa a ela jogou fora.

Você entendeu como Jesus age na sua vida?

Ele abre as portas te mostra o caminho,

mas a tua fé e tão pouca que desiste no primeiro obstáculo.

Não desista!!!!

Confie que Jesus pode agir na sua vida.

Os obstáculos existem para ver até onde vai a tua fé.


Autor: Desconhecido.

domingo, 15 de novembro de 2009

FRATER ADRIANO - MEU GURU PREFERIDO

O único contato com o mundo exterior foi feito pela internet. Uma visita ao meu perfil no site de relacionamentos. Parece que agora alguma cor surge diante de meus olhos. O branco e azul inconfundíveis me levando a um universo de possibilidades, culturas e pessoas que possivelmente jamais conheceria (se é que a conhecerei algum dia).Clicando aqui e ali vou passando por pessoas, buscando aquilo que agrade aos olhos, aos sentindos. Eis que me deparo com um perfil. Figura meiga que carrega nos fundos dos olhos a busca que também é minha. Não busco a beleza física ditada pela mídia, busco isso: a beleza de um detalhe que muitas vezes passa despercebido dos olhos daqueles que só buscam o carnal. Já tive o carnal e posso garantir que não me iludo mais com ele. A beleza é tão efêmera que quando nos damos conta perdemos um tempo precioso com algo que é completamente ilusório e, muitas vezes, a pessoa que achávamos a mais bela se transforma em algo horrendo e repugnante.
Foto e Texto de Adriano Carvalho de Almeida

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

TRABALHOS MEUS

Mostra dos livros na Sala de Informática da Escola Abilio dia 11/11/2009
Detaque Especial: Duas poesias minhas

Quatro poesias minhas

Inteirinho meu

Uma poesia minha (Guerra no Timor Leste)

Romance de ficção

Duas poesias minhas

DIA DE POESIAS NA SALA DE INFORMÁTICA 11/11/2009

Caderno de mensagens

Alunas deixando mensagens para a autora
Michele deixando um recado de incentivo

Aluna deixando uma mensagem para a autora

DIA DE POESIAS NA SALA DE INFORMÁTICA - 11/11/2009

Alunos visitando a mostra de poesias

Alunas visitando a mostra de poesias
Alunas visitando a mostra de poesias

Érica lendo uma poesia

Inês lendo uma de minhas poesias

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

O CICLO DA VIDA DEVERIA SER DE TRÁS PARA FRENTE

A coisa mais injusta sobre a vida é a maneira como ela termina. Eu acho que o verdadeiro ciclo da vida está todo de trás pra frente.

Nós deveríamos morrer primeiro, nos livrar logo disso.
Daí viver num asilo,

até ser chutado pra fora de lá por estar muito novo.


Ganhar um relógio de ouro e ir trabalhar
Então você trabalha 40 anos até ficar novo
o bastante pra poder aproveitar sua aposentadoria.
Aí você curte tudo, bebe bastante álcool,

Faz festas
e se prepara para a faculdade

Você vai para colégio, tem várias namoradas

vira criança, não tem nenhuma responsabilidade

se torna um bebezinho de colo
volta pro útero da mãe, passa seus últimos nove meses de vida flutuando

E termina tudo com um ótimo orgasmo!

Não seria perfeito?